5.4.10

Velo de ouro

Ino com ciúmes de Frixo, seu enteado, convenceu Atamas a proceder ao seu sacrifício para acabar com a fome. Néfele (personificação das nuvens), mãe de Frixo, conseguiu  Crisómalo, carneiro alado, para o transportar até ao reino de Eetes (irmão de Circe), na Cólquida. O rei sacrificou o carneiro e retirou o seu velo feito de ouro para o colocar numa árvore do bosque sagrado de Aries. Jasão, para ascender ao trono de Iolco , na Tessália, tinha de recuperar o velo de oiro. Embarcou para a Cólquida na nau Argos. Desta lenda existem várias versões, a mais conhecida das quais é a de Apolónio de Rodes (Os Argonautas).

Jean-François de Troy (1679-1752) 'captura do velo de ouro'-óleo sobre tela-ca 1742 London-National Gallery


Herbert James Draper (1864-1920) 'à procura do velo de ouro'-óleo sobre tela-1904 Bradford (Yorkshire, UK)-Museums and Galleries


Bertel Thorvaldsen (1770-1844) 'Jasão e o velo de ouro'-escultura de mármore-1803 Copenhagen-Thorvaldsen Museum

1 comment:

  1. Tudo isto é muito belo. Um belíssimo trabalho!

    ReplyDelete